30 de mai de 2010

Jogos Interessantes

Estamos todos no mesmo saco
Objetivo do Jogo: Todos os participantes deverão percorrer um determinado caminho juntos dentro de um saco gigante.
Propósito: Este jogo facilita a vivência de valores e o surgimento de questões bem interessantes como: *Desafio comum: percepção clara de interdependência na busca do sucesso. *Trabalho em equipe: a importância de equilibrarmos nossas ações e harmonizarmos o ritmo do grupo. *Comunicação: importância do diálogo na escolha da melhor estratégia para continuar jogando. *Respeito: pelas diferenças possíveis de encontrarmos em um grupo como: tipo físico, idade e diferença de opiniões. *Persistência: na afinação do grupo e na importância de manter o foco no objetivo. *Alegria: este também é um jogo para rir muito, a própria situação em que o jogo acontece já nos inspira à rir.
Recursos: Um saco gigante, confeccionado com tecido utilizado para forro de biquínis e sungas, pode ser adquirido em lojas de venda de tecido por quilo. Ele vem em formato tubular, então é só medir a altura do saco que você acha ideal, cortar, costurar e está pronto.
Número de Participantes: O número de participantes pode variar bastante, de 04 a aproximadamente 40 pessoas, é só abrir a lateral do saco e ir costurando em outros.
Duração: Podemos estimar um tempo de 30 minutos entre explicação, vivência e reflexão. Este tempo pode ainda ser ampliado de acordo com os obstáculos criados pelo mediador.
Descrição: Podemos iniciar o jogo (por exemplo com 40 pessoas) questionando se todo o grupo caberia dentro deste saco gigante. Após a constatação de que é possível todos entrarem podemos estipular um percurso a ser percorrido pelo grupo. O grupo poderá a qualquer momento fazer um pedido de tempo para a escolha de novas estratégias. Posteriormente podemos aumentar o desafio e o grau de dificuldade colocando novos obstáculos no caminho a ser percorrido. O jogo termina quando os participantes atingem o objetivo.
Dicas: Durante o jogo a comunicação no grupo é um fator fundamental para o sucesso. Caso seja necessário auxilie o grupo nesta tarefa. Libere os pedidos de tempo a vontade, conversar neste jogo é muito importante. Caso haja no grupo pessoas que por suas características físicas tenham dificuldade em jogar, fique atento a forma como o grupo resolve esta questão. Para confecção do saco gigante peça ajuda a uma costureira profissional, isto vai ajudar bastante. Que tal entrar neste saco gigante e ficar juntinho com todos os outros? De boas risadas e aproveite bastante!
** criado por: Roberto Gonçalves Martini eClaudia da Silva Miranda

JOGO - PISA NA BOLA!

OBJETIVO: Desenvolver a agilidade e a coordenação.
MATERIAL: Bexigas e barbante.
COMO JOGAR: Os alunos formarão um grande círculo e o professor distribuirá uma bexiga para cada um. Eles encherão as bexigas e amarrarão um barbante na mesma, de meio metro de comprimento. Em seguida, irão amarrar o barbante com a bola no tornozelo.
Quando todos os alunos estiverem preparados, o professor dará o sinal para que os jogadores andem em círculo, no sentido horário tentando pisar na bola dos demais, tentando estourá-la, ao mesmo tempo em que tentam salvar sua própria bola dos adversários.
Vencerá aquele que conseguir manter a sua bola intacta por mais tempo.

JOGOS DE EXPRESSÃO

JOGO - A CAIXA MÁGICA
OBJETIVO: Desenvolver a criatividade, alegria e espiríto de equipe.
MATERIAL: Rádio, cd, caixa de papelão, cartões para mensagens, lápis.
COMO JOGAR: Os alunos estarão dispostos em um círculo, sentados em suas cadeiras. O professor irá preparar as mensagens e colocá-las dentro de uma caixa de papelão.
As mensagens estarão escritas de acordo com os seguintes exemplos: cantar uma música, dançar em um ritmo de música, imitar um animal, contar uma história (ou trecho), fazer um gesto desportivo, fazer uma mímica, etc.
O professor inicia a brincadeira, colocando o rádio para tocar e, após um sinal, a caixa com as mensagens passará de mão em mão até que a música pare. Aquele que estiver de posse da caixa, no momento em que a música parar irá retirar um cartão de dentro desta e fazer o que estiver escrito na mensagem. O jogo continuará até que todos os alunos participem da brincadeira.
JOGO - RITMO CONTAGIANTE
OBJETIVO: Coordenação motora, criatividade, agilidade.
MATERIAL: CD's e rádio.
COMO JOGAR: O professor organiza a turma em círculo, onde os alunos deverão permanecer sentados no chão. Então, colocará um cd com ritmos variados. Os alunos deverão acompanhar o ritmo com os pés, com as mãos ou com o corpo. Poderão também usar qualquer objeto que tenham nas mãos, para que fique mais animado e interessante a brincadeira, criando novos gestos.
O professor chamará um aluno ao centro do círculo, onde (o aluno) deverá ser o centro das atenções, fazendo os gestos do ritmo requerido. A brincadeira prossegue até que todos os alunos participem do centro do círculo.
Minha tia foi a Espanha
Fonte: folclore brasileiro.
Tema: memorização.
Duração: 10 minutos.
Público: crianças, 8 pessoas.
Material: nenhum. Forme um círculo (ou determine uma ordem de participantes).O primeiro começa "Minha tia foi a Espanha e trouxe um chapéu" (ou qualquer objeto).O próximo deverá dizer "Minha tia foi a Espanha e trouxe um chapéu e uma meia" (ou seja, repete o que o primeiro disse e acrescenta seu próprio objeto).E assim sucessivamente. Quem errar sai do jogo, assim o último que conseguir lembrar a ordem completa de objetos é o vencedor (ou pode-se encerrar o jogo ao perceber os primeiros sinais de desinteresse). Para aumentar a dificuldade:O próximo objeto a ser citado deve começar com a letra seguinte no alfabeto, da letra inicial do objeto anterior:"Minha tia foi a Espanha e trouxe..." um Abacate, uma Bolsa, um Cinto, etc... Ou você pode restringir o tipo de coisa, por exemplo, só pode usar nomes de flores, ou nomes de frutas, ou visíveis no local onde se está fazendo a brincadeira.
MEMÓRIA DE 10
*NÚMERO DE PARTICIPANTES: 2 a 4
*MATERIAL: cartas de apenas dois dos naipes do baralho, que iniciem no ás (valerá 1) até o 9.
*OBJETIVO: formar o maior número de pares de cartas que somem 10.
*MODO DE JOGAR:
- Embaralhar bem as cartas, com as faces voltadas para baixo.
- Arrumar as cartas, ainda voltadas para baixo.
- Cada jogador, na sua vez, vira duas cartas. Se a soma dos dois números for um valor diferente de 10, torna a virá-las, deixando-as nos mesmos lugares.
- Se a soma das duas cartas for 10, o jogador que virou essas cartas "ganha" o par para si.
- No final do jogo, contam-se os pares. O jogador vencedor é aquele que conseguir formar mais pares.
Retirado do blog da Priscila http://alfabetizacaoecia.blogspot.com/

Um comentário: